terça-feira, 11 de junho de 2013

Dos meus sonhos


Não sei se sou só eu, mas eu tenho uma lista de sonhos. Escritos em papel. Papel esse amarrotado e com alguns anos. Carregado de simbolismo e sentidos. Mas com sonhos verdadeiros, planos que quero cumprir e com objectivos bem delineados. Os meus sonhos são simples, mas tenho a certeza que me ia fazer imensamente feliz. Para algumas pessoas deve ser a coisa mais simples e mais banal. Se calhar para mim não é porque gosto de dar sentido às coisas e tenho um bocado a mania que as coisas têm que ser especiais, até as mais simples. Acho que assim os momentos, objectos e pessoas ficam associados a coisas boas e guardados num lugar especial. Um tanto ao quanto parvo para uns, romântico para outros.

O sonho que falo hoje e que me faz sorrir é simplesmente andar de bicicleta na companhia do Cacatuo, num dia de Verão ao final de tarde. Numas férias onde levássemos apenas a "parafernália" de material de acampamento, as bicicletas e boa disposição. Algumas coisas deste sonho foram cumpridas já, mas sem bicicletas, o que faz toda a diferença. Por isso, este sonho ainda está por cumprir.

Cacatua

Sem comentários:

Enviar um comentário

Cacatuquem praí :)